1. See Detail
Você não tem nenhum produto adicionado ao carrinho.

BLOG

  1. Principais benefícios de Albu Protein

    Principais benefícios de Albu Protein

    A fama entre quem frequenta academias é grande, mas será que você conhece os vários benefícios que a albumina pode trazer para sua saúde? Veja aqui!

     

    Se você é frequentador(a) de academia, com certeza já ouviu falar na albumina. Mas se esse universo fitness é uma novidade na sua vida, saiba que essa pode ser uma grande aliada dos seus treinos!

    Então se você quer aprender ainda mais sobre a albumina, separamos aqui algumas vantagens deste suplemento para você – confira!

    O QUE É A ALBUMINA?

    A albumina é um suplemento com grande concentração de proteínas, e é obtida a partir da clara do ovo desidratada e pasteurizada (para garantir sua segurança), sendo estas proteínas de ótima qualidade. Aliás, você sabia que a ovoalbumina (albumina vinda do ovo) representa mais de 50% das proteínas da clara?

    QUAIS AS VANTAGENS DA ALBUMINA?

    1. Aminoácidos de ótima qualidade

    Os aminoácidos, que podem ser entendidos como pedacinhos das proteínas, são divididos entre não essenciais, produzidos pelo próprio organismo, e essenciais, que devem ser obtidos exclusivamente através da alimentação.

    Pois saiba que uma das vantagens da albumina é ter uma grande concentração de aminoácidos essenciais – ou seja, aqueles que seu corpo não produz.

    1. Construção muscular

    Uma das principais funções das proteínas é a construção e manutenção dos músculos. Assim, o suplemento feito à base da albumina é uma ótima opção para complementar o consumo de proteínas, ou até mesmo para incrementar essa ingestão, caso seja a indicação para seu caso. Além disso, estudos apontam que a albumina tem a capacidade de aumentar as células musculares, contribuindo assim para o ganho de massa muscular.

    1. Ajuda na imunidade

    A albumina (tanto a alfa quanto a beta) são capazes de aumentar a atuação das células de defesa do organismo.

    1. Sarcopenia

    Se você está pensando que o suplemento de albumina é só para quem está querendo aumentar os músculos, se enganou! Esse suplemento também mostra-se muito útil para quem sofre de sarcopenia. Apesar do nome estranho, é basicamente a perda intensa de massa magra que acomete um grande número de pessoas conforme a idade avança.

    1. Sensação de saciedade

    Além de ganhar músculos, você está tentando eliminar aqueles quilinhos a mais? Pois saiba que a albumina também pode te ajudar neste objetivo! Isso porque as proteínas são reconhecidamente promotoras de saciedade, quando comparadas aos carboidratos. Ao se sentir mais saciado(a), seu consumo calórico é reduzido, e com isso, pode haver perda de peso.

    Então se você quer aproveitar todos os benefícios que a albumina pode trazer para sua alimentação e sua saúde, experimente incluir na sua rotina o ALBU PROTEIN®. Em 2 colheres de sopa você obtém 23g de proteínas em uma fórmula cuidadosamente elaborada com o menor número de ingredientes: apenas clara de ovo pasteurizada desidratada + aromas e adoçantes naturais – sem corantes!

    Você encontra ALBU PROTEIN em NOVOS SABORES: baunilha, morango e sem sabor, o que facilita seu uso até em preparações salgadas – além do já conhecido sabor chocolate! Todas deliciosas e perfeitas para incluir de maneira fácil e prática no seu dia a dia!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Alves C, Lima RVB. Dietary supplement use by adolescentes. 2009; 85(4): 287-94.
    2. Marchini JS, Silvah JH, Nonino CB, Cunha SFC, Suen VMM, Vannucchi H. Aminoácidos. -- São Paulo: ILSI Brasil-International Life Sciences Institute do Brasil, 2016. Série de publicações ILSI Brasil: funções plenamente de nutrientes.
    3. Mizunoya W, Tashima A, Sato Y, et al. The growth promoting activity of egg white proteins in the C2C12 myoblast cell line. Anim Sci J. 2015; 86: 194–9.
    4. Morley JE, Argiles JM, Evans WJ, Bhasin S, Cella D, Deutz NEP, Doehner W. et al. Nutritional recommendations for the management of sarcopenia. J Am Med Dir Assoc. 2010; 11(6):391-6.
    5. McNamara DJ, Thesmar HS. Eggs. 2005; Elsevier; 2: p 86–92.
    Leia mais »
  2. Reeducação Alimentar – Por onde começar?

    Reeducação Alimentar – Por onde começar?

    Hoje, mais do que nunca, sabemos que uma alimentação equilibrada é peça fundamental não apenas para manter longe doenças e deficiências, mas também para promover bem-estar e vitalidade!

    Mas se a teoria parece simples, a prática nem sempre vai pelo mesmo caminho: manter uma alimentação variada, cheia de nutrientes e que ainda seja saborosa não é tarefa fácil para muitas pessoas – o que leva então a hábitos alimentares inadequados.

    Como então tornar a saudabilidade nas refeições uma rotina?

    Vamos te dar aqui 5 dicas superpráticas de como começar uma reeducação alimentar – lembrando que para buscar orientações individualizadas vale procurar um nutricionista, combinado? ;)

    • PLANEJE AS COMPRAS

    Ter a lista de compras em mãos na ida ao mercado pode não somente evitar compras desnecessárias, mas também ajuda a garantir que aquelas opções saudáveis vão estar sempre presentes na sua cozinha!

    • PREPARE REFEIÇÕES E CONGELE

    O freezer sem dúvida é um grande aliado de rotinas corridas. Separar 1 período por semana (por exemplo, sábado de manhã) para preparar as refeições que você vai consumir durante os próximos dias e congelar ajuda a manter preparações caseiras, saborosas e equilibradas ao seu alcance!

    • TENHA OPÇÕES SAUDÁVEIS À MÃO

    Não adianta: se entre uma reunião e outra bate aquela fome, dificilmente você vai acabar escolhendo um lanche que exija um grande tempo de preparo. É nessas horas que aquelas opções não tão saudáveis aparecem, como um salgadinho ou biscoito recheado. Para evitar esse hábito, tenha sempre opções que sejam um preparo quase mínimo, como frutas, iogurtes naturais ou até mesmo um ovo cozido!

    • NADA DE PROIBIÇÕES!

    A proibição de determinados alimentos parece que virou sinônimo de hábitos alimentares saudáveis, mas precisamos te avisar: a proibição não faz (e nem deve fazer) parte da redução alimentar. Aliás, sabe-se que se proibir de comer alimentos que você gosta pode levar a um outro comportamento inadequado: o de comer aquele alimento em excesso. Por isso, a regra de ouro é sempre o equilíbrio: se você não abre mão de um chocolate, que tal comer 1 bombom sempre que tiver vontade, ao invés de comer uma barra de chocolate toda de uma vez?

    • VARIE SEMPRE

    Além de ajudar a garantir um maior aporte de nutrientes (afinal, nenhum alimento sozinho é completo o suficiente), buscar diferentes opções vai te ajudar a não cair na monotonia e com isso não enjoar das mesmas preparações – afinal, quem aguenta comer a mesmíssima comida todo santo dia?!

    Lembre-se que a reeducação alimentar não vai acontecer do dia para noite – são pequenas mudanças que acontecem aos poucos, uma de cada vez. Querer mudar da água para o vinho, repentinamente, pode fazer com que esses novos hábitos não se sustentem ao longo do tempo – e assim, adeus à nova rotina alimentar!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Felippe F, Balestrin L, Silva FM, Schneider AP. Qualidade da dieta de indivíduos expostos e não expostos a um programa de reeducação alimentar. Rev. Nutr. 2011; 24(6): 833-844.
    2. Santos LAS. Da dieta à reeducação alimentar: algumas notas sobre o comer contemporâneo a partir dos programas de emagrecimento na Internet. Revista de Saúde Coletiva. 2010; 20(2): 459-474.
    Leia mais »
  3. Dieta low carb – O que é?

    Dieta low carb – O que é?

    DIETA LOW CARB – O QUE É?

    A dieta que conquistou milhares de adeptos pelo mundo tem seus pontos positivos - e negativos também. Descubra aqui mais sobre a dieta low carb

     

    Entre tantas dietas para perder peso, talvez uma das mais conhecidas seja a dieta low carb. Se você ainda não conhece, ou quer aprender mais sobre ela, fique por aqui com a gente!

    O QUE É?

    Desenvolvida e promovida pelo cardiologista americano Robert Atkins na década de 60, a dieta low carb consiste em uma alimentação com baixo teor de carboidratos. No lugar destes alimentos, é estimulado o maior consumo de alimentos ricos em proteínas e gorduras. De uma forma geral, a dieta estipula o consumo máximo de 200g de carboidratos por dia.

    A DIETA LOW CARB FUNCIONA?

    Pelo fato de promover a cetose e oxidação lipídica, a dieta low carb gera um maior gasto das reservas de gordura no corpo, o que pode resultar em perda de peso. Além disso, ao priorizar alimentos fontes de proteínas e gorduras, obtém-se uma maior saciedade, o que gera um menor consumo calórico, e consequentemente pode levar à eliminação daqueles quilinhos indesejáveis. Além disso, algumas pesquisas mostram que em algumas pessoas, a dieta com baixo teor de carboidratos pode ser mais eficiente para perder peso do que dietas com restrição de calorias.

    EXISTEM EFEITOS ADVERSOS?

    Apesar de se mostrar eficiente para muitas pessoas, essa dieta tem alguns pontos negativos, que devem ficar bem claros, para que você consiga ponderar se essa dieta vai se encaixar no seu estilo de vida.

    Um dos aspectos negativos da dieta low carb é o fato de aumentar o consumo de alimentos gordurosos, como manteiga e carne vermelha. Essa característica pode levar a um aumento dos triglicerídeos e colesterol ruim, fatores de risco para o desenvolvimento de doenças do coração.

    Além disso, a restrição de carboidratos pode levar a alguns sintomas como fadiga, indisposição e dores de cabeça – sintomas bem desagradáveis, não é mesmo?!

    Por fim, ao cortar o grupo de alimentos fontes de carboidratos, a alimentação acaba ficando mais restrita, o que pode levar à monotonia alimentar. O problema vem aí: quem consegue manter uma dieta monótona por muito tempo?

    Deu para ver que não existe fórmula mágica quando o assunto é eliminar aqueles quilos extras, certo? A dieta low carb tem aspectos positivos, mas dificilmente consegue ser sustentada por muito tempo. Por isso, se o seu objetivo é perda de peso, o mais indicado é que você procure por um nutricionista, profissional apto a entender suas necessidades nutricionais e seu estilo de vida, para então elaborar um plano alimentar sustentável e individualizado, que se encaixe perfeitamente ao que você precisa.

     

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Atkins, R. C., & Jungmann, R. A nova dieta revolucionária do Dr. Atkins. Editora Record. 2002.
    2. Samaha F. The effects of low-carbohydrate versus conventional weight loss diets in severely obese adults: one-year follow-up of a randomized trial. Annals of internal medicine. 2004; 140(10): 778-785.
    3. Xavier SC. Dietas pobres em hidratos de carbono na perda de peso corporal. Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto, 2017.
    Leia mais »
  4. Descanso faz parte do treino?

    Descanso faz parte do treino?

    DESCANSO FAZ PARTE DO TREINO?

    Fazer pequenas pausas entre os exercícios pode parecer enrolação, mas a ciência diz que é essencial – vem entender!

     

    Você vai para a academia com foco nos seus resultados: mais massa muscular, eliminar aquela gordurinha localizada, ou mesmo manter a saúde em dia. Por isso, quando chega no treino, não quer parar nem 1 minuto para atingir suas metas o quanto antes. Quem nunca?

    Pois a gente precisa te contar uma coisa: você precisa descansar entre os exercícios!

    Isso mesmo - fazer pequenas pausas entre um aparelho e outro, ou mesmo entre uma série de repetições e outra deve sim, fazer parte da sua rotina de exercícios. Quer entender o porquê? E por quanto tempo você precisa descansar? Vamos te explicar tudo isso agora mesmo!

    POR QUE PRECISO DESCANSAR ENTRE OS EXERCÍCIOS?

    Por que os músculos precisam de um período de recuperação para fabricar de novo substâncias como a adenosina trifosfato intramuscular e fosfocreatina, substâncias que servem para trazer energia de volta aos músculos.

    Além disso, pesquisas mostram que dar aquela paradinha entre os exercícios é capaz de promover adaptações nos sistemas endócrino, muscular e cardiovascular, trazendo   benefícios para essas funções corporais.

    QUANTO TEMPO DEVE DURAR O DESCANSO?

    É preciso dizer aqui   a ciência ainda não chegou a um consenso em relação à duração da pausa entre exercícios. Uma pesquisa sugeriu que numa série de seis exercícios, uma pausa de 3 minutos mostrou-se mais benéfica do que a de 1 minuto, uma vez que os participantes que descansaram mais tempo conseguiram fazer uma série maior de repetições.

    Um outro estudo apontou que o descanso de apenas 1 minuto, quando  a pausas de 3 e 5 minutos, gerou um declínio no número de repetições realizadas pelos participantes, sugerindo que esse tempo pode ter sido insuficiente.

    Assim, o que a ciência tem mostrado é que intervalos entre 2 e 5 minutos parecem ser adequados para que o corpo se recupere e assim você consiga resultados melhores no treino.

    Por isso, não se sinta mal de parar um pouquinho entre os exercícios – você não vai estar enrolando, mas  ajudando seu corpo a aguentar melhor os exercícios. E você pode aproveitar para bater um papo com os amigos – assim, seu treino vai fazer bem para seu corpo e  ! ;)

     

     BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Harris RC, Edwards RHT, Hultman E, Nordesjö LO, Nylind B, Sahlin K. The time course of phosphorylcreatine resynthesis during recovery of the quadriceps muscle in man. Pflügers Archiv. 1976; 367(2): 137-142.
    2. Cardozo D, Lemos S, Simão R. Influência da ordem dos exercícios e do tempo de intervalo de descanso entre séries no desempenho do número de repetições no treinamento para resistência muscular. R. bras. Ci. e Mov. 2016; 24(2):154-161.
    3. Willardson JM, Burkett LN.  Acomparison of 3 different rest intervals on the exercise volume completed during a workout. The Journal of Strength & Conditioning Research. 2005; 19(1): 23-26.

     

     

    Leia mais »
  5. Crossfit: Você conhece os benefícios?

    Crossfit: Você conhece os benefícios?

    CROSSFIT: VOCÊ CONHECE OS BENEFÍCIOS?

     

    Você não precisa ser super conhecedor(a) do mundo “fitness” para já ter ouvido falar nessa palavra: crossfit.

    E a fama dessa modalidade esportiva vem do número de adeptos que não para de crescer: estima-se que há atualmente cerca de 10.000 academias conveniadas no mundo, o que mostra que essa é uma onda que veio para ficar, inclusive no Brasil. Segundo informações do site oficial de CrossFit, o país é o 4º com maior número de boxes afiliados (locais para a prática de crossfit), totalizando 1.280 unidades.

    Mas que tipos de benefícios o crossfit pode trazer para sua vida? Acompanhe aqui, pois separamos 4 deles para você saber agora mesmo:

    • ESTIMULA DIFERENTES HABILIDADES FÍSICAS

    Um dos princípios do crossfit é desenvolver ao máximo as 10 valências físicas, que são: resistência cardiorrespiratória, força, vigor, potência, velocidade, coordenação, flexibilidade, agilidade, equilíbrio e precisão. Ufa! Deu para entender o quanto o crossfit pode ser completo para você que quer trabalhar diferentes aspectos do corpo, não é mesmo?!

    • EFEITOS POSITIVOS PARA O CORAÇÃO

    Por trabalhar tantas aptidões físicas, como resistência cardiorrespiratória e força, o   é, sem dúvida é um dos maiores beneficiados com o crossfit! Estudos mostram  , indivíduos que praticaram treinos desta modalidade apresentaram uma melhor capacidade cardiorrespiratória quando comparados a pessoas praticantes de treinamento resistido tradicional.

    • CROSSFIT É INCLUSIVO!

    Diferente de outras práticas esportivas, nas quais  m-se categorias como masculino/feminino, junior/ máster, o crossfit busca colocar   os seus praticantes juntos e estimula,  a formação de times mistos para competições internas e/ou externas. Bacana, não é mesmo?

    • MOTIVAÇÃO DIÁRIA

    Se você é daquelas pessoas movidas a um bom desafio, o crossfit pode ser a sua praia! Isso porque no treinamento diário, os registros individuais são realizados durante e após o treino pelos instrutores, visando estimular a superação e melhora do desempenho.

     

    Com tantos benefícios, que tal considerar o crossfit como a física do seu dia a dia? Com certeza seu corpo – e mente – vão agradecer!

     

     

      BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Site oficial Crossfit. Disponível em https://map.crossfit.com/?_ga=2.21893179.1416296752.1648785047-326160329.1648785047. Acesso em Março/2022.
    2. Tibana RA, Almeida LM, Prestes J. Crossfit® riscos ou benefícios? O que sabemos até o momento? R. bras. Ci. e Mov. 2015; 23(1):182-185.
    3. Organista CAM. CrossFit®: benefícios e métodos da prática vs Treinamento Resistido Tradicional: uma breve revisão. Physics. 2018.
    4. Heuer S. “Lazer sério” e Crossfit: as características da “identidade guerreira” em atletas amadores. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal do Paraná. 2019.

      

    Leia mais »
  6. 5 Substituições saudáveis de alimentos para você fazer hoje mesmo!

    5 Substituições saudáveis de alimentos para você fazer hoje mesmo!

    Sem dúvida, você cansou de ouvir que comer de forma balanceada é fundamental para uma vida saudável. Mas essa tal “alimentação equilibrada” às vezes parece inatingível para você? Algo que só as blogueiras fitness conseguem seguir? Ou um tipo de alimentação que vai fazer você passar fome?

    Muita calma nessa hora!

    Primeiro, precisamos dizer que não: uma alimentação saudável não deve ser restrita, monótona ou fazer seu estômago roncar! Se alimentar bem contempla consumir os mais diferentes alimentos, sem exageros e com prazer!

    Mas então como deixar sua dieta mais balanceada?

    Vamos te dar abaixo dicas de 5 substituições saudáveis de alimentos que vão te ajudar a se nutrir de forma mais equilibrada – e deliciosa!

    • ARROZ BRANCO à ARROZ INTEGRAL

    Essa simples troca é cheia de benefícios: o arroz em sua forma integral traz fibras, vitaminas e minerais, perdidos no processo de refinamento do arroz branco. Para você ter uma ideia, 100g de arroz integral cozido contém 2,7g de fibras, enquanto a mesma quantidade de arroz branco contém apenas 1g de fibras.

     

    • SALGADINHO DE PACOTE à PIPOCA CASEIRA

    Nem precisamos dizer que a primeira opção é daquelas que deve passar longe da sua dispensa, certo? Mas o bacana dessa troca, é que além de deixar de consumir sódio em excesso e muitos aditivos, preferir a pipoca feita na panela acrescenta fibras no seu dia, que por sua vez vão dar uma forcinha para você ficar saciada(o) por mais tempo. Para você ter ideia, 100g de pipoca tem 14,3g de fibras. Demais, não é?!

    • CARNE DE PORCO à OVO

    A carne de porco é bem conhecida por ser saborosa, mas esse sabor todo tem um motivo: a grande quantidade de gordura que cortes suínos têm. Assim, na hora de escolher qual fonte de proteína colocar no prato, dê preferência ao ovo. Com uma quantidade de gordura mais controlada, o ovo ainda tem uma lista de vantagens: proteínas de alta qualidade (concentradas na clara), minerais como selênio, fósforo e vitaminas como B2 (também conhecida como riboflavina) e vitamina K.

     

    • CHOCOLATE AO LEITE X CHOCOLATE AMARGO

    Essa é uma troca para não deixar nenhum chocólatra triste: sim, o chocolate pode fazer parte de uma alimentação equilibrada! Mas ao invés de optar pelo chocolate ao leite e/ou branco, busque versões amargas, com alto teor de cacau. Esse ingrediente, além de conter minerais importantes como ferro, magnésio e fósforo, ainda possui compostos bioativos como a teobromina e os flavonoides, que possuem ação benéfica comprovada na cognição, pressão arterial e na saúde do coração.

     

    • SUCOS EM PÓ à SUCOS IN NATURA

    Fato: sucos em pó são feitos basicamente com açúcar, corantes e aromas - e nada de frutas. Por isso, vale gastar uns minutinhos a mais e dar preferência para preparar um suco in natura, feito a partir da fruta fresca e adoçado (quando necessário) com açúcares como mascavo ou demerara, ou então adoçantes naturais. Além de bem mais saborosos, os sucos in natura ainda preservam grande partes das vitaminas vindas das frutas, como por exemplo a vitamina C (laranja, limão, goiaba e morango).

     

    Viu como ter uma alimentação saudável não é coisa de outro mundo? As trocas inteligentes estão aí para mostrar que pequenas mudanças de hábito podem fazer uma grande diferença para a sua saúde! Aproveite!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Dussaillant C, Echeverría G, Rozowski J, Velasco N, Arteaga A, Rigotti A. Consumo de huevo y enfermedad cardiovascular: una revisión de la literatura científica. Nutr Hosp. 2017; 34(3):710-8.
    2. Yoneda M, Sugimoto N, Katakura M. et al. Theobromine up-regulates cerebral brain-derived neurotrophic factor and facilitates motor learning in mice. J Nutr Biochem; 2017; 39:110-116.
    3. Kosoko AM, Olurinde OJ, Akinloye OA. et al. Doxorubicin induced neuro-and cardiotoxicities in experimental rats: Protection against oxidative damage by theobroma cacao Stem Bark. Biochem Biophys Rep. 2017; 10:303-317.
    4. Mastroiacovo D, Kwik-Uribe C, Grassi D, Necozione S. Cocoa flavanol consumption improves cognitive function, bloodpressure control, and metabolic profile in elderly subjects: the Cocoa, Cognition, and Aging (CoCoA) Study—a randomized controlled trial. Am J Clin Nutr 2015; 101:538–48.
    5. Lovegrove JA, Stainer A, Hobbs DA. Role of flavonoids and nitrates in cardiovascular health. Proc Nutr Soc. 2017; 19:1-13.
    Leia mais »
  7. UNDIETING - COMO SE VER LIVRE DE DIETAS E COMER DE FORMA INTUITIVA

    Se tem um assunto que chama atenção em qualquer blog, site, rede social ou capa de revista é esse: dieta! Dietas para perder peso de maneira rápida e sem grandes alterações nos hábitos parecem infinitas, não é mesmo?

    Bom, se você ainda não sabe, vamos te alertar aqui: essas dietas podem até ajudar a perder alguns quilinhos, mas não são sustentáveis por um longo período de tempo, além de estarem longe de ser a forma mais saudável de emagrecer.

    Mas será que este é o único jeito de se alimentar de forma saudável? Será que é preciso mesmo viver cortando carboidratos, fugindo dos doces e contando calorias?

    Estamos aqui para te dizer que NÃO! Comer é um processo complexo e que permeia muitas áreas da nossa vida – e que, portanto, não pode ser apenas vista como uma fonte de nutrientes.

    Para fazer as pazes com a alimentação, um caminho interessante pode ser o mindful eating – em português, “comer intuitivo”. Essa nova vertente da nutrição vem ganhando cada vez mais espaço entre aqueles que acreditam que a comida não deve ser uma inimiga.

    E como colocar o “comer intuitivo” em prática? Vamos trazer aqui para você alguns pilares que podem te ajudar a trazer essa nova forma de comer para seu dia a dia:

    - Use todos os seus sentidos na escolha do que comer – para que assim sua refeição seja prazerosa e nutritiva para seu corpo;

    - Respeite a fome e a saciedade;

    - Contemple o momento da refeição de forma presente e use todos os sentidos (olfato, visão, paladar) para aproveitar o melhor que cada alimento tem a oferecer;

    - Procure fazer as refeições com calma – encare estes momentos como uma verdadeira pausa na correria do dia a dia;

    - Coma sem culpa! Esse sentimento leva a um comer mais desatento, além de estragar todo o prazer que uma boa refeição pode te trazer. Assim, faça suas escolhas de forma consciente e apenas se delicie!

     

    Viu como a alimentação saudável vai muito além de calorias e nutrientes? Insira esses pequenos passos na sua rotina e mude sua forma de ver (e comer!) os alimentos!

     

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Antonaccio C, Alvarenga M. Mindful Eating: comer com atenção plena. São Paulo: Abril. 2018.
    Leia mais »
  8. Alimentação correta no pós-treino

    Já falamos bastante por aqui sobre como deve ser sua alimentação antes do treino, para que seu organismo esteja bem nutrido para render na sua atividade física. Mas você sabia que, tão importante quanto se alimentar direitinho antes do treino, é caprichar na refeição APÓS o treino?

    É isso mesmo! Os cuidados com a nutrição não acabam antes do treinamento, e merecem toda sua atenção quando você acaba o exercício. Assim, vamos te dar aqui 3 dicas sobre uma alimentação correta no pós-treino. Vamos lá?

    1. CAPRICHE NAS PROTEÍNAS

    Grandes responsáveis por manter e aumentar a massa muscular, as proteínas não devem ser deixadas de fora da sua refeição pós-treino! Incluir alimentos como carnes (bovina, frango ou peixe), ovos (principalmente a parte da clara), leite e seus derivados e leguminosas (como feijões, ervilha, lentilha e grão-de-bico) ajudam a garantir que não haja perda de massa muscular. É bacana lembrar que os exercícios de força, exigem maior consumo de proteínas quando comparado aos exercícios de resistência.  

     

    1. NÃO SE ESQUEÇA DOS CARBOIDRATOS!

    É essencial que você os reponha após a atividade física, uma vez que o exercício físico reduz os níveis de glicogênio muscular, espécie de estoque de carboidratos dentro do organismo. As pesquisas científicas ainda mostram que repor adequadamente o carboidrato gasto durante o exercício, ajuda a retardar a fadiga. Vale dizer também que quanto maior a intensidade do exercício, maior o gasto de carboidratos. Para ajustar a quantidade de carboidratos que você precisa consumir no pós-treino, o mais indicado é buscar a ajuda de um profissional nutricionista, combinado? ;)

     

    1. LÍQUIDO, LÍQUIDO E MAIS LÍQUIDO!

    Hidratar-se corretamente é essencial não apenas durante o exercício (quando bate aquela sede!), mas também depois. Isso porque é neste momento que temos a oportunidade de repor a água que foi perdida através do suor. Caso o seu treino seja bem intenso, vale conversar com o profissional que te acompanha para entender se a sua hidratação deve incluir carboidratos – fazendo uso de bebidas isotônicas, por exemplo.

    Deu para entender que quando o assunto é exercício físico, vale cuidar da alimentação tanto antes quanto após o treino, certo? Então coloque essas dicas em prática e não se esqueça de procurar a orientação de um profissional nutricionista para resultados ainda melhores!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Hernandez AJ, Nahas RM. Modificações dietéticas, reposição hídrica, suplementos alimentares e drogas: comprovação de ação ergogênica e potenciais riscos para a saúde. Suplemento – Rev Bras Med Esporte. 2009; 15(3): 1-12.
    Leia mais »
  9. MITOS E VERDADES SOBRE O TREINO PARA GESTANTES

    MITOS E VERDADES SOBRE O TREINO PARA GESTANTES

    A gestação é, sem dúvidas, um período mágico e realizador para muitas mulheres – afinal, aumentar a família e gerar uma nova vida é um acontecimento incrível e transformador!

    Podemos dizer que parte da magia da gestação acontece pelo fato do corpo saber exatamente o que fazer – e ir aos poucos, sozinho, formando um novo ser humano. Mas sem dúvida, cuidados específicos para essa fase são imprescindíveis para que tudo transcorra de maneira tranquila e saudável.

    Dentre estes cuidados estão os exercícios físicos! Sim, eles que muitas vezes podem gerar um certo receio por parte das gestantes, sem dúvida podem ajudar a trazer mais saúde e bem-estar para este período.

    Antes de qualquer coisa, é importante lembrar que os exercícios físicos na gestação devem ser orientados e acompanhados pelo médico responsável e por um profissional de Educação Física.

    Dito isso, vamos aos fatos e mitos sobre atividades físicas na gestação:

    EXERCÍCIOS FÍSICOS TÊM FREQUÊNCIA E DURAÇÃO PRÉ-DETERMINADOS – VERDADE:

    Equilíbrio é a palavra chave para uma vida balanceada, e sem dúvida isso não é diferente quando se trata de exercícios físicos na gravidez! Recomenda-se que grávidas saudáveis se exercitem de forma leve a moderada, de 3 a 5 vezes por semana, durante 30 minutos ou mais.


    A GESTANTE PODE PRATICAR QUALQUER TIPO DE ATIVIDADE FÍSICA – VERDADE:

    Com exceção de atividades que envolvam o risco de queda (como ciclismo, escalada, cavalgada), a gestante pode escolher o tipo de atividade física que mais lhe agradar: caminhada, alongamento, dança, pilates e atividades aquáticas como a hidroginástica.


    EXERCÍCIOS FÍSICOS PODEM AUMENTAR O RISCO DE PARTO PREMATURO – MITO:

    Quando feitos de maneira orientada, dentro da frequência e duração estipulados, exercícios de intensidade leve e moderada não trazem nenhum tipo de risco para a gestante e para o bebê.


    ATIVIDADES FÍSICAS AJUDAM APENAS A CONTROLAR O PESO DA GESTANTE – MITO:

    Pesquisas mostram que se movimentar pode trazer muitos benefícios à gestante – e que vão muito além do controle de peso! Exercícios físicos na gestação podem ajudar a prevenir a diabetes gestacional, melhorar dores lombares, colaborar para o controle da gordura corporal, diminuir câimbras nas pernas, fortalecer a musculatura abdominal e ainda aumentar da sensação de bem-estar. Incrível, não é mesmo?


    Com tantas vantagens, deu para entender que os exercícios físicos podem – e devem – fazer parte da gestação. Lembre-se sempre de buscar a orientação do médico responsável e de um especialista, e aproveite tudo o que o movimento pode trazer de bom para você e seu bebê!



    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Surita FG, Nascimento SL, Silva JLP. Exercício físico e gestação. Rev Bras Ginecol Obstet. 2014; 36(12):531-4.

    2. Leitão MB, Lazzoli JK, Oliveira MAB, Nóbrega ACL, Silveira GG, Carvalho T et al. Posicionamento oficial da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte: atividade física e saúde na mulher. Rev Bras Med Esporte. 2000; 6(6): 215-20.

    Leia mais »
  10. Alimentos funcionais no pré e pós treino

    4 ALIMENTOS FUNCIONAIS PARA AJUDAR NO PRÉ TREINO

     

    O ano começou, e com ele a promessa de que você vai pegar firme nos treinos! Afinal, manter a saúde em dia traz benefícios não só para o corpo, mas para a mente também!

    Mas além daquelas dicas bem conhecidas, como hidratar-se bem, manter a frequência dos treinos e cuidar da alimentação, você sabia que alguns alimentos podem ser aliados do seu treino? Além disso, alguns deles ainda podem ajudar a perder aqueles quilinhos que muitas vezes atrapalham seu pique.

    Então veja aqui 4 alimentos que podem dar uma forcinha para que o seu treino seja bem aproveitado!

     

    • GUARANÁ

    Esse fruto é um velho conhecido quando o assunto é energia – e saiba que não se trata de um mito popular não! Os estudos científicos mostram que o guaraná pode ter até 4 vezes mais cafeína do que o café – lembrando que é a cafeína a substância responsável por ajudar a levantar a energia e mandar a fadiga para longe!

     

    • HIBISCO

    Pertencente a família botânica Malvaceae, proveniente da África e Ásia, o hibisco tem recebido bastante atenção da ciência, pois tem mostrado relação com a perda de peso – isso mesmo que você leu! O hibisco contém uma substância com efeito termogênico – ou seja, que ajuda a fazer com que o corpo gaste mais energia, resultando assim em perda de peso. Portanto, se você está praticando atividades físicas para ajudar na perda de peso, eis aqui um ótimo parceiro para te ajudar nessa jornada!

     

     

     

    • PIMENTA

    Capsaicina. Esse é o nome da substância que faz com que a pimenta entre para o time dos alimentos aliados na perda do peso. Isso porque esse composto parece ativar sensores de dentro do intestino que aumentam a atividade de centros cerebrais ligados a regulação da temperatura corporal – neste caso, a capsaicina faz aumentar a temperatura corporal, isso pode ajudar a queimar mais calorias e assim, perder peso.

     

    • CHÁ VERDE

    Aqui o benefício é duplo! Além de conter cafeína, substância que pode ajudar a dar mais energia para encarar o treinamento, o chá verde ainda conta com a catequina, composto bioativo que está relacionado com o controle do peso e com um menor acúmulo de gordura, efeito comprovado em ratos.

     

    Lembrando que nenhum alimento sozinho faz milagres! Para a perda de peso ser efetiva, é preciso adotar hábitos de vida saudáveis, o que inclui prática regular de exercícios físicos e uma alimentação balanceada.

    Agora que você já conhece todos os benefícios que esses alimentos podem trazer para o seu corpo e para seu treino, que tal incluí-los na sua alimentação?

     

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Tfouni SAV, Camargo MCR, Vitorino SHP, Menegário TF, Toledo MCF. Contribuição do guaraná em pó (Paullinia cupana) como fonte de cafeína na dieta. Rev. Nutr. 2007; 20(1): 63-8.
    2. Cunha JM, Viana ESM, Souza JT, Silva SS. Os efeitos do hibisco (Hibiscos sabdariffa) no emagrecimento. Revista Científica Univiçosa. 2016; 8(1): 657-661.
    3. Saito M, Matsushita M, Yoneshiro T, Okamatsu-Ogura Y. Brown Adipose Tissue, Diet-Induced Thermogenesis, and Thermogenic Food Ingredients: From Mice to Men. Frontiers Endocrinol. 2020; 222(11): 1-13.
    4. Cabrera C, Artacho R, Gimenéz R. Beneficial Effects of Green Tea—A Review. Journal of the American College of Nutrition. 2006; 25(2): 79–99.
    Leia mais »
  11. Como fazer trocas inteligentes em confraternizações de final de ano!

    Como fazer trocas inteligentes em confraternizações de final de ano!

    Chegou aquela época tão esperada por tanta gente: a cidade fica mais iluminada, as casas enfeitadas, troca-se presentes e claro – as famosas confraternizações de final de ano!

    E com elas, vem também a comilança! São tantas preparações deliciosas que é quase impossível resistir! Mas então, como desfrutar de tantos momentos com amigos e família, mas sem pôr a perder todo seu esforço de manter a silhueta ao longo do ano e se manter bem nutrida? Então fique aqui e aprenda como fazer trocas inteligentes!

    ENTRADA: QUEIJOS AMARELOS à NUTS

    Os queijos amarelos como prato, parmesão e provolone, apesar de extremamente saborosos, apresentam uma dose alta de gorduras saturadas e calorias. Por isso, ao invés de se jogar nestas opções, prefira as nuts, presença garantida em qualquer confraternização de final de ano! Valem nozes, avelãs, castanhas... Cheias de gorduras boas, vitaminas e minerais essenciais para o organismo, ainda conseguem dar uma mãozinha para você se sentir mais saciada – o que ajuda a não exagerar na ceia! Ah, mas apesar de todos esses benefícios, não vale extrapolar na quantidade de nuts, combinado?

    PRATO PRINCIPAL: PERNIL à CARNE DE AVES OU PEIXES

    As carnes de porco possuem alto teor de gorduras e, consequentemente, de calorias! Por isso, vale a pena moderar no consumo do pernil e optar por carnes brancas, como as de ave e peixe. Nas festas de fim de ano, é bem possível você encontrar como opção o peru, que além de ter menos gordura, é bem saboroso!

    ACOMPANHAMENTO: ARROZ BRANCO à ARROZ INTEGRAL

    Essa é uma troca que vale para o ano inteiro: arroz branco pode (e deve!) ser substituído sempre que possível pelo arroz integral. Isso porque, ao manter o cereal mais inteiro, preserva-se nutrientes como vitaminas, minerais e as fibras, essenciais para que nosso intestino trabalhe bem! Para fugir da mesmice, vale incrementar o arroz com cenoura, salsão, pimentão, uva-passa ou o que mais for de sua preferência! Está aí uma opção deliciosa e nutritiva! ;)

    SOBREMESA: RABANADA à FRUTAS DA ÉPOCA

    A rabanada, apesar de super saborosa, tem dois pontos negativos: é feita com pão branco e é frita! =/ Por isso, se puder evitar essa sobremesa (ou pelo menos moderar na quantidade!), seu organismo agradece! Para não ficar sem sobremesa, aposte nas frutas típicas dessa época, como figo, pêssego, abacaxi, melancia, lichia... veja que lista grande e saborosa de opções para você se deliciar! E não é só isso: essas frutas ainda entregam fibras e vitaminas (como a vitamina C), para turbinar sua saúde.

     

    Agora que você aprendeu a fazer essas trocas inteligentes, aproveite todas as delícias e momentos que as confraternizações de final de ano podem trazer – seu corpo e alma agradecem! =)

     

     

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Philippi ST. Nutrição e Técnica Dietética. 3ª ed. Barueri: Manole. 2015.

     

     

     

    Leia mais »
  12. Dicas de como incluir opções deliciosas, saudáveis e baratas na Ceia de Natal

    Dicas de como incluir opções deliciosas, saudáveis e baratas na Ceia de Natal

    Se você é daquelas pessoas que pensam em Natal, já lembra de preparações nada equilibradas, cheias de gorduras e vazias em nutrientes, vamos te contar uma coisa – dá para incluir opções saudáveis e cheias de sabor nesta data tão especial! E de quebra, ainda dá para poupar dinheiro – dica importantíssima em uma época que já é cheia de gastos, não é mesmo?

    Pois então confira essas 4 dicas de opções gostosas, saudáveis e baratas para o Natal:

    - FRANGO RECHEADO

    Para fugir do alto preço da carne bovina, as aves são uma ótima opção! E para essa preparação não ficar com cara de comida do dia a dia, vale caprichar no recheio. A farofa é uma ótima alternativa, pois além de dar mais sabor à receita, ainda pode levar inúmeros ingredientes como ovos, cenoura, nozes, milho, azeitona, e assim, agradar a todos. Ah, e olha que bacana: o frango é uma ótima fonte de proteínas e tem um teor menor de gorduras quando comparado a outras carnes.

    - FAROFA DE OVOS

    Com certeza essa é uma opção que não pode ficar de fora da ceia! Coringa para acompanhar qualquer prato, essa farofa ainda leva um ingrediente para lá de especial: o ovo! Acessível e saboroso, o ovo é cheio de nutrição: na clara, é riquíssimo em proteínas essenciais para músculos, tecidos e sistema imune; já na gema, é possível encontrar vitaminas e minerais responsáveis por, por exemplo, a saúde dos olhos. Bacana, não é?!

    - ARROZ COM LENTILHA

    Combinação bem típica das festas de final de ano, essa dupla ainda tem uma característica bem especial: a combinação perfeita de aminoácidos! Calma que vamos te explicar isso direitinho: os aminoácidos são os tijolinhos que compõem as proteínas. Cada alimento tem uma combinação de aminoácidos, e nem sempre possuem todos eles. O bacana da combinação de um cereal (como o arroz) com uma leguminosa (como a lentilha) é que os aminoácidos que faltam no arroz, estão na lentilha, e vice-versa! O casal perfeito, não é mesmo?

    - TAÇA DE MORANGO COM IOGURTE NATURAL

    Essa sobremesa vai trazer uma explosão de sabores para seu paladar – e um combo incrível de nutrientes para o seu corpo. Enquanto os morangos são fontes de fibras e vitamina C (ótima para ajudar a fortalecer a imunidade), o iogurte oferece cálcio (essencial para a saúde dos ossos) e proteínas, que compõem músculos, tecidos, contribuem para a imunidade e ainda podem ajudar na saciedade. Se preferir, você ainda pode adicionar raspas de chocolate amargo em cima da sobremesa. Hummm, só de pensar deu água na boca!

    Viu como ingredientes simples e uma boa dose de criatividade podem te ajudar a fazer uma ceia nutritiva, equilibrada e que ainda não pesa no bolso? Então mãos à obra, e aproveite muito essa linda época do ano!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Philippi ST. Nutrição e Técnica Dietética. 3ª ed. Barueri: Manole. 2015.
    2. Nisbet AD, Saundry RH, Moir AJ, Fothergill LA, Fothergill JE. The Complete Amino-Acid Sequence of Hen Ovalbumin. Eur J Biochem. 1981; 115, 335-345.
    3. Nimalaratne C, Wu J. Hen Egg as an Antioxidant Food Commodity: A Review. Nutrients. 2015; 7(10): 8274–8293.
    4. Silva ACC, Frota KMG, Arêas JAG. Funções plenamente reconhecidas de nutrientes: Proteínas. Série de Publicações ILSI Brasil. Volume 20. 2012.
    5. França NAG, Martini LA. Funções plenamente reconhecidas de nutrientes: Cálcio. Série de Publicações ILSI Brasil. Volume 1. 2ª ed. rev. 2014.
    6. Vannucchi H, Rocha MM. Funções plenamente reconhecidas de nutrientes: Vitamina C. Série de Publicações ILSI Brasil. Volume 21. 2012.

     

     

    Leia mais »
  13. Proteína animal x saúde do homem

    Proteína animal x saúde do homem

    Novembro é conhecido como o mês da campanha “Novembro Azul”, que traz um alerta para o combate ao câncer de próstata, tipo mais prevalente entre os homens. Mas que tal aproveitarmos esse mês e falarmos também sobre outros aspectos importantes para a saúde masculina?

    Pois nesse texto você vai entender mais sobre a importância da proteína animal para a saúde do homem. Vamos lá!

    1. MÚSCULOS

    A fisiologia do corpo de homens e mulheres é diferente, e em relação à parte muscular, não é diferente – é fato que homens possuem uma maior massa muscular do que mulheres. Consequentemente, a força dos homens é maior também: estima-se que a força muscular da mulher corresponda a 63% da força muscular masculina.

    Por isso, é essencial ter uma alimentação que ajude a manter a saúde dos músculos – assim, não podem faltar as proteínas! Esses macronutrientes são um dos grandes responsáveis pela manutenção e crescimento muscular.

    Na prática, as refeições devem contar com alimentos como carnes (bovina, frango ou peixe) e ovos (principalmente a clara do ovo) – apesar de existirem fontes proteicas de origem vegetal, são as de origem animal que apresentam a melhor qualidade! ;)

    1. AJUDA NO CONTROLE DO COLESTEROL

    Diferentes pesquisas feitas com homens adultos acima do peso trouxeram uma boa notícia: a adoção de uma dieta com alto teor de proteínas ajudou a reduzir os níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue. Considerando que os homens são mais atingidos por doenças do coração do que as mulheres, reduzir os níveis de gordura no sangue é uma vantagem e tanto! Mais um ponto para as proteínas! ;)

    1. MANUTENÇÃO DO PESO

    Essas mesmas pesquisas ainda trouxeram outro achado importante: homens com excesso de peso que seguiram uma alimentação contendo altos níveis de proteínas conseguiram perder mais peso quando comparados a homens que mantiveram os níveis normais de proteína na dieta. Parte desse efeito é atribuído ao poder que as proteínas têm de ajudar na sensação de saciedade – ou seja, xô beliscos fora de hora!

    Bom, com tantos benefícios para a saúde masculina, não dá para pensar em deixar as proteínas animais de lado, certo? Lembre-se sempre de manter a variedade das proteínas, e se for necessário, procure um especialista para orientar a alimentação mais adequada para o seu estilo de vida! ;)

     

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Silva ACC, Frota KMG, Arêas JAG. Série de Publicações ILSI Brasil. Funções Plenamente Reconhecidas de Nutrientes. Proteína. Força-tarefa Alimentos Fortificados e Suplementos Comitê de Nutrição ILSI Brasil. 2012.
    2. Santos ALA. Dieta hiperproteica e sua influência no gasto energético, perda de peso, composição corporal e marcadores metabólicos em homens obesos. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal do Rio de Janeiro. 2014.

     

    Leia mais »
  14. Novembro Azul: a importância do autocuidado para a saúde do homem

    Novembro Azul: a importância do autocuidado para a saúde do homem

    O mês de Outubro passou, e a famosa campanha do “Outubro Rosa” deu lugar a outra, tão importante quanto: Novembro Azul. Dessa vez, o alerta é para o combate contra o câncer de próstata – por isso, é direcionada exclusivamente aos homens.

    O câncer de próstata é o tipo mais comum entre a população masculina, causando a morte de cerca de 28% dos homens que desenvolvem a doença. Por isso, assim como em outros tipos de câncer, a prevenção é essencial.

     Aliás, pesquisas afirmam que quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada, o que dificulta (e muito!) a cura. Deu para entender o quanto a prevenção é essencial, não é mesmo?

    Falando em sinais, conheça abaixo alguns deles, e que aparecem na fase avançada:

    - Dor óssea

    - Dor ao urinar

    - Vontade de urinar com frequência

    - Presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

    Por isso, a melhor maneira de conseguir sucesso no tratamento do câncer de próstata é o diagnóstico precoce – por isso, a palavra de ouro aqui é o autocuidado do homem! É essencial que homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou homens a partir dos 50 anos sem fatores de risco, realizem consultas periódicas com urologista. Apenas para ter uma ideia da importância dessas consultas, cerca de 20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pelo exame de toque retal. Por isso, é fundamental deixar o preconceito de lado e cuidar bem da saúde!

    Falando nisso, sabemos que muitas vezes a falta de hábito, o preconceito e a relutância em buscar atendimento médico, fazem com que os homens acabem deixando a saúde de lado. Não é à toa que eles vivem em média, 7 anos a menos que as mulheres, e têm maior incidência de doenças como problemas do coração, pressão alta, diabetes – e isso tudo resulta no surgimento de quadros mais graves.

    Então a hora de mudar esse cenário é agora! Procure se cuidar, busque realizar exames de rotina e proteja o que você tem de mais valioso: sua saúde.

     

     

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Biblioteca Virtual de Saúde (BVS). Novembro Azul: mês mundial de combate ao câncer de próstata. Disponível em https://bvsms.saude.gov.br/novembro-azul-mes-mundial-de-combate-ao-cancer-de-prostata/. Acesso em Outubro/21.
    2. Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem (Princípios e Diretrizes). Brasília: Ministério da Saúde; 2008 Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_atencao_saude_homem.pdf. Acesso em Outubro/21.

     

     

     

     

    Leia mais »
  15. 3 benefícios da albumina que você (ainda) não conhecia

    3 benefícios da albumina que você (ainda) não conhecia

    Incluir ovos na sua rotina sem dúvida pode contribuir para uma alimentação equilibrada e nutritiva. Mas você sabe por que?

    Além de fornecer vitaminas e minerais essenciais para o organismo, os ovos são excelentes fontes de proteínas. São as queridinhas do momento! 

    Ele oferece proteínas de alta qualidade, sendo usado como padrão-ouro para medir a qualidade de outras proteínas alimentares. Incrível, não?!

    E uma das principais proteínas fornecidas pelo ovo é a ovoalbumina – correspondendo a cerca de 54% das proteínas contidas na clara. Mas já que a ovoalbumina é a principal proteína do ovo, o que será que ela tem de bom? Conheça aqui então 3 benefícios que a albumina pode trazer e que você talvez ainda não conheça:

     

    • COMBATE AOS RADICAIS LIVRES: Estudos mostraram que a ovoalbumina é capaz de ajudar a proteger o corpo contra os radicais livres – substâncias produzidas pelo próprio organismo e que, em excesso, causam lesões às células, resultando em envelhecimento precoce e na maior chance do aparecimento de doenças como câncer, doenças cardíacas, entre outras.
    • FORCINHA PARA A IMUNIDADE: Uma das funções já reconhecidas das proteínas (como a albumina) mas que nem todo mundo conhece é seu papel no sistema de defesa do corpo. Isso mesmo: as proteínas estão envolvidas na produção de anticorpos, os grandes guerreiros que trabalham para nosso sistema imune funcionar direitinho.
    • AÇÃO CONTRA BACTÉRIAS! Além de atuar na produção de anticorpos, as proteínas presentes no ovo (sendo que grande parte delas é representada pela ovoalbumina) consegue atuar contra bactérias que possam entrar no corpo – tendo assim um papel anti-bacteriano! Isso porque essas proteínas já exercem esse papel dentro do ovo, protegendo-o contra ameaças externas. Demais, não é?!

     

    Agora que você já descobriu novas vantagens da albumina, que tal incluir essa proteína repleta de benefícios para sua saúde? Ah, e lembre-se que o ovo é uma excelente fonte proteica (incluindo aí a albumina), e pode entrar no seu cardápio das mais variadas formas e em diferentes refeições!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Nimalaratne C, Wu J. Hen Egg as an Antioxidant Food Commodity: A Review. Nutrients. 2015; 24(10): 8274-93.
    2. Silva ACC, Frota KMG, Arêas JAG. Série de Publicações ILSI Brasil. Funções Plenamente Reconhecidas de Nutrientes. Proteína. Força-tarefa Alimentos Fortificados e Suplementos. Comitê de Nutrição. ILSI Brasil. 2012.
    3. Kovacs-Nolan J, Phillips M, Mine Y. Advances in the Value of Eggs and Egg Components for Human Health. J. Agric. Food Chem. 2005; 53, 8421-8431.
    Leia mais »
  16. Semana dos avós: benefícios das proteínas na alimentação dos idosos

    Semana dos avós: benefícios das proteínas na alimentação dos idosos

    Estamos na semana dos avós!

    Sim, no dia 26 é comemorado o Dia dos Avós, essas pessoas tão especiais que fazem parte da nossa história e que com certeza foram - e são - responsáveis por construir memórias deliciosas!

    Então nesse dia, ainda mais do que nos outros, vale caprichar nas demonstrações de carinho e atenção com eles! 

    Mas essa atenção deve ser não apenas para que eles se sintam amados. A atenção com a saúde de pessoas seniores é essencial!

    Isso porque o processo de envelhecimento traz inúmeros impactos à saúde, causando alterações nos ossos, cognição, memória e músculos.

    Sim, com o passar do tempo acontece uma perda de músculos – a partir dos 50 anos, estima-se que um adulto perca de 1 a 2% de massa muscular ao ano. E não para por aí: há também diminuição da força muscular, que reduz de 1,5% a 3% ao ano a partir desta mesma faixa etária.

    Mas essa redução pode ser controlada com 2 pilares que devem fazer parte de uma vida saudável, independentemente da idade: prática regular de exercícios físicos e alimentação balanceada!

    E dentro de uma alimentação equilibrada e que tem como foco a manutenção dos músculos, a ingestão adequada de proteínas é fundamental – já que uma das principais funções das proteínas é justamente trabalhar como uma grande aliada dos músculos!

    Porém, na prática, o consumo de proteínas pode ser dificultado por fatores como dificuldade na mastigação e má digestão de alimentos fontes deste nutriente, tudo causado pelo envelhecimento. E é nesse momento que suplementos de proteínas surgem como uma ótima alternativa para suprir essa necessidade.

    Dentre os suplementos disponíveis no mercado, a albumina mostra-se uma ótima opção, já que esta proteína, a principal encontrada no ovo, tem como importante função a manutenção de músculos, também estando relacionada ao aumento de células musculares, contribuindo assim para manter os músculos dos seniores!

    Agora que você já sabe de que forma ajudar a manter a saúde da musculatura dos avós, coloque essas dicas em prática e ajude-os a ter uma vida longa, cheia de saúde e qualidade!

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. Curtis E, Litwic A, Cooper C, Dennison E. Determinants of muscle and bone aging. J Cell Physiol. 2015; 230(11): 2618–2625.
    2. Silva ACC, Frota KMG, Arêas JAG. Série de Publicações ILSI Brasil. Funções Plenamente Reconhecidas de Nutrientes. Proteína. Força-tarefa Alimentos Fortificados e Suplementos. Comitê de Nutrição. ILSI Brasil. 2012.
    3. Santos ACO, Machado MMO, Leite EM. Envelhecimento e alterações do estado nutricional. Geriatria & Gerontologia. 2010;4(3):168-175.
    4. McNamara DJ. The impact of egg limitations on coronary heart disease risk: Do the numbers add up? J. Am. Coll. Nutr. 2000; 19: 540–8.
    5. Mizunoya W, Tashima A, Sato Y, et al. The growth promoting activity of egg white proteins in the C2C12 myoblast cell line. Anim Sci J. 2015; 86: 194–9.
    Leia mais »
  17. 3 verdades sobre a clara de ovo desidratada

    3 verdades sobre a clara de ovo desidratada

    Com certeza você já deve saber que o consumo de ovos pode - e deve - fazer parte de uma alimentação equilibrada!

    Isso porque esse alimento é altamente nutritivo, tanto na clara quanto na gema. Na gema, é possível encontrar vitaminas essenciais para o organismo, tais como a vitamina D, B12, luteína e zeaxantina. Já na clara, há a maior concentração de proteínas de alta qualidade 1.

    E hoje nosso foco é justamente na clara de ovo! Vamos falar mais um pouquinho sobre ela?

    Bom, a clara corresponde àquela parte branquinha do ovo, e como já dissemos, traz consigo praticamente todo o conteúdo de proteínas deste alimento. A principal proteína encontrada na clara é a albumina, (também chamada de ovoalbumina), cuja uma das principais funções no organismo é participar da manutenção de músculos e tecidos, e permitir a passagem de minerais pelas células do organismo 1.

    Além disso, a albumina tem se destacado como suplemento para praticantes de atividade física e atletas, visto que essa proteína comprovadamente tem a capacidade de aumentar as células musculares, contribuindo assim para o ganho de massa muscular 2.

    A clara de ovo traz uma proteína importante como a albumina mas como incluir essa parte do ovo de uma forma prática e versátil no dia a dia? A resposta é através da clara de ovo desidratada! E vamos te contar agora 3 verdades sobre esse ingrediente:

    • CONTINUA SENDO UMA ÓTIMA FONTE DE ALBUMINA: O processo de desidratação retira apenas a água do produto, mantendo assim todas as propriedades da clara – neste caso, as proteínas 3,4;
    • É UM INGREDIENTE CULINÁRIO SUPER VERSÁTIL: Por estar em formato de pó, a clara de ovo pode ser adicionada a qualquer tipo de preparação, como tortas, bolos, biscoitos, entre tantos outros.
    • É MAIS SEGURA: Por não conter água, a clara de ovo desidratada possui maior segurança microbiológica, além de ter maior tempo de vida útil 3,4.

     

    Agora que você já conhece todas as vantagens da clara de ovo desidrata, que tal incluir esse ingrediente no seu dia a dia, e tornar sua alimentação ainda mais nutritiva? ;)

     

    REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

    1. McNamara DJ. The impact of egg limitations on coronary heart disease risk: Do the numbers add up? J. Am. Coll. Nutr. 2000; 19: 540–8.

     

    1. Mizunoya W, Tashima A, Sato Y, et al. The growth promoting activity of egg white proteins in the C2C12 myoblast cell line. Anim Sci J. 2015; 86: 194–9.

     

    1. Lechevalier L, Jeantet R, Arhaliass A, Legrand J, Nau F. Egg white drying: influence of industrial processing steps on protein structure and functionalities. Journal of Food Engineering. 2007; 83(3): 404- 13.
    2. Liu XD, Han RX, Yun H, Jung KC, Jin DI, Lee BD, Min TS, Jo C. Effect of irradiation on foaming properties of egg white proteins. Poultry Science. 2009; 88(11): 2435–41

     

     

     

    Leia mais »
  18. Não consigo mais perder peso. E agora?

    Não consigo mais perder peso. E agora?

    Lá está você, com foco total na perda de peso: mudou a alimentação e passou a praticar exercícios físicos regularmente. Oba!

    De repente, o ponteiro da balança não sai do mesmo lugar, mesmo com o seu novo estilo de vida. Mas afinal... O que está acontecendo?

    Esse é o chamado “efeito platô”, uma reação do corpo que faz com que o peso “estacione”, mesmo diante de uma mudança nos hábitos de vida. O que parece acontecer é que o organismo acaba se acostumando e se adaptando (tanto com as calorias que está ingerindo quanto com as que está gastando) e, com isso, o processo de perda de peso acaba sendo desacelerado ou interrompido.

    Existe também a teoria do “set point”, que alega que o corpo tende a estabilizar o peso em um determinado ponto, o qual seria o ideal para seu funcionamento. Interessante, não?

    Mas o que fazer na prática? Conheça 5 dicas para não deixar que o efeito platô faça você desanimar!

     

    • Consulte um nutricionista.

    É o profissional que vai orientar e acompanhar a reeducação alimentar. Ele ajustará o seu plano alimentar de acordo com o momento em que você está passando, seja de perda de peso mais intensa, seja de efeito platô.

    • Se prepare para a chegada do efeito platô.

    Sim, porque ele virá! Geralmente, no começo, a perda de peso será mais rápida e intensa (e você estará no auge da motivação), mas depois de um tempo, essa perda vai se estabilizar. Por isso, você precisa estar preparada(o) mentalmente para não desanimar e seguir com o seu novo estilo de vida!

     

     

     

    • Capriche nas proteínas.

    Estudos mostram que as proteínas consumidas pela alimentação podem influenciar positivamente na composição corporal, refletindo diretamente na perda e/ou manutenção do peso.

    • Adote hábitos para a vida toda.

    Segundo pesquisas, algumas atitudes são essenciais para a manutenção do peso a longo prazo, como: realizar várias refeições ao longo do dia, reduzir o tempo de tela, manter uma rotina de exercícios físicos e não pular o café da manhã.

    • Foco na saúde.

    Você até pode ter optado por tornar a sua alimentação mais equilibrada e inserir atividade física na sua rotina por estética, mas saiba que, mesmo quando o ponteiro da balança estacionar, a sua saúde ainda vai estar sendo beneficiada por esses novos hábitos de vida tão saudáveis!

     

    Coloque essas dicas em prática e não deixe que o efeito platô vença a sua determinação por uma vida mais equilibrada!

     

      

     

    Referências: 1. Hall KD, Kahan S. Maintenance of lost weight and long-term management of obesity. Med Clin North Am. 2018; 102(1): 183–197.

    Leidy HJ, Clifton PM, Astrup A, et al. The role of protein in weight loss and maintenance. Am J Clin Nutr. 2015; 101:1320S–1329S.

    Wing RR, Tate DF, Gorin AA, Raynor HA, Fava JL. A self-regulation program for

    Leia mais »
  19. As proteínas são todas iguais?

    As proteínas são todas iguais?

    Muito se fala sobre a importância das proteínas para a nossa saúde, mas será que todas possuem a mesma qualidade? Fique tranquilo, vamos explicar isso direitinho no texto a seguir.

    Leia mais »
  20. Dia Mundial de Combate ao Fumo: o cigarro atrapalha o treino e os resultados?

    Dia Mundial de Combate ao Fumo: o cigarro atrapalha o treino e os resultados?

    Você sabia que o hábito de fumar tem efeitos diretos em seu treino? Conheça 3 motivos pelos quais cigarro e exercícios físicos não combinam!

    Leia mais »
  21. 4 mudanças que você sente ao começar a se exercitar

    4 mudanças que você sente ao começar a se exercitar

    Se você acha que já sabe de todos os benefícios que os exercícios físicos podem proporcionar, confira 4 mudanças incríveis que trouxemos para você!

    Leia mais »
  22. 3 coisas que podem prejudicar o seu rendimento no treino!

    3 coisas que podem prejudicar o seu rendimento no treino!

    Evite o que pode atrapalhar seu desempenho nos treinos e aproveite os benefícios dos exercícios físicos!

    Leia mais »
  23. Dia Mundial da Saúde: como a alimentação saudável torna sua vida mais feliz?

    Dia Mundial da Saúde: como a alimentação saudável torna sua vida mais feliz?

    Felicidade e alimentação balanceada andam juntas. Descubra no artigo como se alimentar bem influencia no seu bem-estar.

    Leia mais »
  24. Como saber se o seu treino está dando resultados?

    Como saber se o seu treino está dando resultados?

    Você treina frequentemente e não vê a hora de perceber os primeiros efeitos de tanta dedicação. Afinal, como saber se você está no caminho certo?

    Leia mais »
  25. Clara de ovo e a saúde da mulher

    Clara de ovo e a saúde da mulher

    Descubra como a clara de ovo pode contribuir com diferentes aspectos da saúde da mulher – e de um jeito delicioso!

    Leia mais »
  26. É possível reeducar o paladar?

    É possível reeducar o paladar?

    Para melhorar os hábitos alimentares, é preciso adaptar o paladar a novos sabores. Saiba na matéria como fazer isso.

    Leia mais »
  27. Descanso entre os exercícios: enrolação ou necessidade?

    Descanso entre os exercícios: enrolação ou necessidade?

    Será que descansar no meio do treino realmente ajuda? Leia o artigo e descubra!

    Leia mais »
  28. Como combater a Sarcopenia?

    Como combater a Sarcopenia?

    O processo natural da perda de massa magra é inevitável, mas podemos contribuir com algumas atitudes para que isso aconteça mais devagar e não comprometa a qualidade de vida.

    Leia mais »
  29. Receita: Rocambole de Nozes

    Receita: Rocambole de Nozes

    Nada melhor para adoçar esse começo de ano do que um Rocambole de Nozes, não é mesmo? Confira nossa receita!

    Leia mais »
  30. Receita: Omelete Proteica

    Receita: Omelete Proteica

    Comer bem e ainda aumentar os resultados do seu treino? Confira nossa receita de Omelete com Albumina.

    Leia mais »
  31. Proteína e saciedade

    Proteína e saciedade

    Sentir-se satisfeito é muito mais do que a sensação do estômago cheio e a proteína é uma aliada poderosa para auxiliar na sensação de que o alimento atendeu às necessidades do corpo. Quer saber mais? Leia agora mesmo!

    Leia mais »
  32. Receita: Tapioca Proteica

    Receita: Tapioca Proteica

    Que tal uma opção fácil, gostosa e proteica para complementar o seu treino? Confira nossa receita de Tapioca Proteica com Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  33. Mais resultado para o seu treino

    Mais resultado para o seu treino

    A proteína é excelente para a saúde muscular e a queridinha dos praticantes de atividade física, mas será que ela pode ser uma boa aliada para quem busca um melhor rendimento físico?

    Leia mais »
  34. Receita de Halloween: Cupcake

    Receita de Halloween: Cupcake

    O Halloween está chegando, que tal se preparar para essa data especial com uma receita de Cupcake temático que preparamos especialmente para você?

    Leia mais »
  35. Vida ativa, mente mais saudável

    Vida ativa, mente mais saudável

    Além de fazer bem para o corpo, a prática de atividade física é uma boa alternativa para manter a mente mais tranquila. Saiba mais a seguir.

    Leia mais »
  36. Existem alimentos emagrecedores?

    Existem alimentos emagrecedores?

    Diversos produtos no mercado afirmam trazer resultados milagrosos para a perda de peso, mas será que é tão fácil assim? Confira no texto.

    Leia mais »
  37. Versatilidade e consumo de proteínas

    Versatilidade e consumo de proteínas

    Todos os momentos do seu dia podem ficar mais saudáveis com a Albumina MaxxiOvos. Saiba agora mesmo os motivos.

    Leia mais »
  38. Os diferentes tipos de proteínas

    Os diferentes tipos de proteínas

    Que a proteína é um nutriente essencial você já sabe, mas você sabia que existem diferentes tipos? Descubra quais são.

    Leia mais »
  39. Receita: Smoothie de Coco com Baunilha

    Receita: Smoothie de Coco com Baunilha

    Dê um upgrade no seu treino com nossa deliciosa receita de Smoothie de Coco com Albumina sabor Baunilha.

    Leia mais »
  40. Receita: Mousse de Chocolate

    Receita: Mousse de Chocolate

    Prepare uma deliciosa mousse de chocolate sem sair da dieta. Confira a nossa receita feita com a Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  41. Albumina: mitos e verdades

    Albumina: mitos e verdades

    A Albumina, ou Ovoalbumina, é uma proteína encontrada em grande quantidade na clara do ovo. Por ser de alto valor biológico, pode ajudar na manutenção de músculos e tecidos. Apesar de todos os benefícios já comprovados, o consumo da Albumina ainda é permeado de mitos e lendas que acabam confundindo as pessoas. Para te ajudar, hoje falaremos sobre as principais questões deste assunto. Confira!

    Leia mais »
  42. Receita: Smoothie de Amora

    Receita: Smoothie de Amora

    Smoothie é uma bebida extremamente nutritiva e muito prática já em seu conceito: ao invés de utilizar apenas o "suco" das frutas, você as colocará inteiras. Para te ajudar adentrar ao mundo dos Smoothies com muito sabor e nutrição, trouxemos uma receita de Smoothie de Amora com Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  43. Como começar a praticar atividades físicas?

    Como começar a praticar atividades físicas?

    Apesar dos benefícios, muita gente ainda não pratica atividades físicas. Que tal começar a mudar isso hoje?

    Leia mais »
  44. Receita: Brownie Proteico

    Receita: Brownie Proteico

    Aprenda uma receita deliciosa de Brownie Proteico com claras líquidas sabor chocolate da MaxxiOvos.

    Leia mais »
  45. Você conhece o flexitarianismo?

    Você conhece o flexitarianismo?

    O vegetarianismo é uma prática que está cada vez mais forte no mundo, incluindo o Brasil. É um tipo de dieta que, segundo a Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB), consiste em excluir todos os tipos de carne da alimentação, seja por saúde própria ou por preocupação com o bem-estar animal. Diversas vertentes surgiram dessa premissa básica, tais como o flexitarianismo, também conhecido como semivegetarianismo.

    Leia mais »
  46. Receita: Mingau de Aveia Proteico

    Receita: Mingau de Aveia Proteico

    Confira uma receita super simples de mingau de aveia proteico com Albumina MaxxiOvos

    Leia mais »
  47. Receita: ovos mexidos com Ovopan

    Receita: ovos mexidos com Ovopan

    Confira uma receita prática de ovos mexidos com Ovopan MaxxiOvos

    Leia mais »
  48. O que comer antes do treino aeróbico

    O que comer antes do treino aeróbico

    Para garantir a performance durante a atividade aeróbica é necessário fornecer ao corpo energia suficiente para a prática e força muscular para sustentar a atividade. Por isso, a alimentação adequada antes do treino é fundamental!

    Leia mais »
  49. O ovo e a saúde do coração

    O ovo e a saúde do coração

    Apesar dos benefícios conhecidos, existem diversos mitos relacionados ao consumo de ovos. Confira qual é a relação entre o ovo e a saúde do coração!

    Leia mais »
  50. Pudim de Claras MaxxiOvos

    Pudim de Claras MaxxiOvos

    Confira a receita Pudim de Claras MaxxiOvos preparada com Claras Pasteurizadas MaxxiOvos.

    Leia mais »
  51. Como evitar o desperdício de alimentos

    Como evitar o desperdício de alimentos

    O desperdício de alimentos é o maior vilão da rotina de quem fica responsável por gerenciar a comida da casa. Confira nossas dicas para minimizar a perda de alimentos na sua rotina de cozinha!

    Leia mais »
  52. 8 exercícios para melhorar seu condicionamento físico

    8 exercícios para melhorar seu condicionamento físico

    Treinar o condicionamento físico é a melhor solução que você tem para tornar a atividade física parte de sua rotina. Para lhe ajudar nessa tarefa, separamos 8 tipos de exercício para melhorar seu condicionamento físico de uma vez por todas!

    Leia mais »
  53. Benefícios da Clara de Ovo

    Benefícios da Clara de Ovo

    Atualmente, cada vez mais estudos demonstram os benefícios que o ovo traz para nossa saúde, desmentindo muitos dos mitos que o cercavam. Hoje falaremos um pouco mais sobre a parcela branca do ovo, conhecida como “clara do ovo”.

    Leia mais »
  54. Receita de Bolo de Milho com Fubá

    Receita de Bolo de Milho com Fubá

    Confira a receita Bolo de Milho com Fubá preparada com Claras Pasteurizadas MaxxiOvos.

    Leia mais »
  55. Consumo de proteínas para o ganho e manutenção da massa muscular

    Consumo de proteínas para o ganho e manutenção da massa muscular

    A musculação é uma atividade física que aumenta a força e proporciona o crescimento dos músculos. Mas, para obter estes resultados e evitar complicações é necessário seguir uma alimentação adequada.

    Leia mais »
  56. Receita Chico Balanceado

    Receita Chico Balanceado

    Confira a receita Chico Balanceado preparada com Gemapan MaxxiOvos e Preparado para Merengue MaxxiOvos.

    Leia mais »
  57. Receita Suco de Laranja Proteico

    Receita Suco de Laranja Proteico

    Confira a receita de Suco de Laranja proteico preparado com Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  58. Receita Quiche de Alho Poró com Coottage

    Receita Quiche de Alho Poró com Coottage

    Confira a receita de Quiche de Alho Poró com Coottage preparada com Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  59. Receita Panqueca Salgada

    Receita Panqueca Salgada

    Confira a receita de Panqueca Salgada preparada com Clara de Ovos Pasteurizada MaxxiOvos.

    Leia mais »
  60. Receitas FIPAN 2019

    Receitas FIPAN 2019

    Confira as receitas que preparamos na FIPAN - Feira Internacional da Panificação, Confeitaria e do Varejo Independente de Alimentos.

    Leia mais »
  61. Receita Smoothie de Banana com Albumina

    Receita Smoothie de Banana com Albumina

    Confira a receita de Receita Smoothie de Banana com Albumina preparada com Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  62. Receita Cupcake de Maçã com Canela

    Receita Cupcake de Maçã com Canela

    Confira a receita de Cupcake de Maçã com Canela preparada com Clara de Ovos Pasteurizada MaxxiOvos.

    Leia mais »
  63. Receita Shake de Cacau

    Receita Shake de Cacau

    Confira a receita de Shake de Cacau preparada com Albumina MaxxiOvos.

    Leia mais »
  64. Receita Bolo de Milho Verde

    Receita Bolo de Milho Verde

    Confira a receita de Bolo de Milho preparada com Ovopan.

    Leia mais »
  65. Receita Torta de Frango com Requeijão

    Receita Torta de Frango com Requeijão

    Confira a receita de Torta de Frango com Requeijão preparada com Ovopan.

    Leia mais »
  66. Ebook Receitas Deliciosas MaxxiOvos

    Ebook Receitas Deliciosas MaxxiOvos

    Pensando em você, que deseja aliar sabor e qualidade, preparamos o Ebook Receitas Deliciosas, unindo muito sabor, aos ingredientes de primeira da MaxxiOvos.

    Leia mais »
  67. Ebook Receitas Ricas em Proteína MaxxiOvos

    Ebook Receitas Ricas em Proteína MaxxiOvos

    Quer dar uma turbinada nos treinos, ou um cuidado extra com a saúde? Então vem conferir nosso Ebook Receitas Ricas em Proteínas, recheado de saborosas receitas com produtos MaxxiOvos!

    Leia mais »
  68. Receita Sorvete de Baunilha

    Receita Sorvete de Baunilha

    Confira a receita de Sorvete de Baunilha preparada com Gemapan.

    Leia mais »
  69. Receita Frango Supreme Empanado e Recheado

    Receita Frango Supreme Empanado e Recheado

    Confira a receita Frango Supreme Empanado e Recheado preparada com Clarapan.

    Leia mais »
  70. Receitas Arnold 2019

    Receitas Arnold 2019

    Confira as receitas que preparamos no Arnold Sports Festival South America.

    Leia mais »
  71. Mais proteína, menos fome

    Mais proteína, menos fome

    O consumo de proteína pode ser um importante aliado no controle de peso.

    Leia mais »
  72. O que comer antes do treino de força?

    O que comer antes do treino de força?

    Saiba quais são os alimentos indicados para consumo antes do treino de força.

    Leia mais »
  73. 5 dicas para abrir um food truck de sucesso

    5 dicas para abrir um food truck de sucesso

    Separamos as melhores dicas para food truck para você realizar seu sonho!

    Leia mais »
  74. Receita Pavlova com recheio de Creme e Morangos

    Receita Pavlova com recheio de Creme e Morangos

    Confira a receita Pavlova com recheio de Creme e Morangos preparada com Clarapan.

    Leia mais »
  75. A importância da qualidade da proteína

    A importância da qualidade da proteína

    Conheça a importância do consumo de proteínas durante toda a vida.

    Leia mais »
  76. Receita Torta de Limão com cobertura de Merengue

    Receita Torta de Limão com cobertura de Merengue

    Confira a receita Torta de Limão com cobertura de Merengue preparada com Clarapan.

    Leia mais »
  77. A importância de estar sempre hidratado

    A importância de estar sempre hidratado

    O consumo de água é uma das principais recomendações de saúde.

    Leia mais »
  78. Receita Sanduíche de Atum

    Receita Sanduíche de Atum

    Confira a receita Sanduíche de Atum preparada com Gemaxxi.

    Leia mais »
  79. Já fez sua atividade física de hoje?

    Já fez sua atividade física de hoje?

    Inúmeros estudos demonstram a relação entre a prática regular de atividade física e a melhora da qualidade de vida!

    Leia mais »
  80. Receitas Rápidas de Omelete

    Receitas Rápidas de Omelete

    Confira Receitas Rápidas de Omelete preparadas com Omelight!

    Leia mais »
  81. Quais são os nutrientes do ovo

    Quais são os nutrientes do ovo

    Conheça os nutrientes do ovo e suas funções no organismo!

    Leia mais »
  82. Receita Mousse Doce de Leite

    Receita Mousse Doce de Leite

    Confira a receita Mousse Doce de Leite preparada com Clarapan.

    Leia mais »
  83. Ebook Receitas de Natal MaxxiOvos

    Ebook Receitas  de Natal MaxxiOvos

    Está chegando o Natal e pensando nisso, criamos o Ebook Receitas de Natal com deliciosas receitas preparadas com produtos MaxxiOvos!

    Leia mais »
  84. Receita Sonho com Bisnaguinha

    Receita Sonho com Bisnaguinha

    Confira a receita Sonho com Bisnaguinha preparada com Gemapan.

    Leia mais »
  85. Mais facilidade e segurança na preparação de alimentos

    Mais facilidade e segurança na preparação de alimentos

    Veja como alguns produtos podem mudar a realidade de segurança na preparação de alimentos na sua casa!

    Leia mais »
  86. Receita Maionese Caseira Picante de Páprica

    Receita Maionese Caseira Picante de Páprica

    Confira a receita Maionese Caseira Picante de Páprica preparada com Gemaxxi.

    Leia mais »
  87. Receita Mousse de Chocolate

    Receita Mousse de Chocolate

    Confira a receita Mousse de Chocolate preparada com Clarapan.

    Leia mais »
  88. Infográfico Saiba tudo sobre o ovo de galinha

    Infográfico Saiba tudo sobre o ovo de galinha

    Você sabe como é feito o ovo? Quais são seus benefícios e nutrientes? Confira no infográfico.

    Leia mais »
  89. Receita Creme de Gemas Gemapan

    Receita Creme de Gemas Gemapan

    Confira a receita de Creme de Gemas preparada com Gemapan.

    Leia mais »
  90. Receita Bolo Zebra de Baunilha e Chocolate

    Receita Bolo Zebra de Baunilha e Chocolate

    Confira a receita Bolo Zebra de Baunilha e Chocolate preparada com Ovopan.

    Leia mais »
  91. Receita Quindim Caseiro do Silvio

    Receita Quindim Caseiro do Silvio

    Confira a receita do Quindim Caseiro preparado com Gema Pasteurizada MaxxiOvos.

    Leia mais »
  92. Uso de ovos pasteurizados na indústria alimentícia

    Uso de ovos pasteurizados na indústria alimentícia

    Que tal entender como os ovos pasteurizados atuam na indústria que chega na sua mesa?

    Leia mais »
  93. Melhore seus resultados na academia com a albumina

    Melhore seus resultados na academia com a albumina

    Você conhece a albumina? Entenda como ela garante seus melhores resultados!

    Leia mais »
  94. Receita Pão de Ló Ovopan

    Receita Pão de Ló Ovopan

    Confira a receita de Pão de Ló preparada com Ovopan.

    Leia mais »
  95. Uma dieta nutritiva com produtos industrializados. É possível?

    Uma dieta nutritiva com produtos industrializados. É possível?

    Produtos industrializados não precisam ser vilões. Aprenda a utilizá-los em uma dieta nutritiva!

    Leia mais »
  96. Como economizar tempo na cozinha

    Como economizar tempo na cozinha

    Quer economizar tempo na cozinha? Separamos algumas dicas que podem lhe ajudar nessa estratégia!

    Leia mais »
  97. Receita Ninhos de Merengue com Morango

    Receita Ninhos de Merengue com Morango

    Confira a receita Ninhos de Merengue com Morango preparada com o Merengue Italiano MaxxiOvos.

    Leia mais »
  98. Receita Pão de Queijo

    Receita Pão de Queijo

    Confira a receita de Pão de Queijo preparada com Ovopan.

    Leia mais »
  99. Receita Maionese

    Receita Maionese

    Confira a receita da Maionese preparada com Gemaxxi.

    Leia mais »
  100. Ovo pasteurizado faz bem a saúde?

    Ovo pasteurizado faz bem a saúde?

    Devo ou não devo comer ovo pasteurizado? Veja a nossa opinião!

    Leia mais »
  101. Ovo em pó (desidratado): é possível?

    Ovo em pó (desidratado): é possível?

    Entenda como é fabricado o ovo desidratado e se é possível contar com esse alimento no seu dia a dia!

    Leia mais »
  102. 5 vantagens da clara de ovo pasteurizada

    5 vantagens da clara de ovo pasteurizada

    A clara de ovo pasteurizada é o que faltava na sua cozinha. Conheça 5 vantagens de usar esse alimento!

    Leia mais »
  103. Omelete em pó: quais os benefícios e os riscos?

    Omelete em pó: quais os benefícios e os riscos?

    Consumir ou não o omelete em pó? Veja os riscos e os benefícios desse alimento!

    Leia mais »
  104. Benefícios do ovo

    Benefícios do ovo

    Que tal aprender quais são os benefícios do ovo para a sua saúde?

    Leia mais »
  105. 5 tabus da indústria sobre clara de ovo pasteurizada

    5 tabus da indústria sobre clara de ovo pasteurizada

    Clara de ovo pasteurizada: devo usar isso ou não? Falamos sobre os tabus relacionados a esse tema!

    Leia mais »
  106. Como acrescentar pasta de amendoim na dieta?

    Como acrescentar pasta de amendoim na dieta?

    Conhece a pasta de amendoim? Aprenda a adicioná-la na sua rotina!

    Leia mais »
  107. Por que amamos Albumina (e você também deveria)

    Por que amamos Albumina (e você também deveria)

    A albumina é uma das proteínas mais importantes para a saúde humana. Entenda por que você também deve amá-la como nós amamos!

    Leia mais »
  108. O que é pasteurização?

    O que é pasteurização?

    A pasteurização mudou a maneira como nos relacionamos com a comida. Que tal entender como ela é feita?

    Leia mais »