Como saber se o seu treino está dando resultados?

Você faz seus exercícios diários de maneira correta, como o professor te orienta, mas aí vem a dúvida: será que meu treino está funcionando? Bom, a primeira coisa que você precisa saber, antes de pensar no treino, é analisar se você está ajudando seu corpo a obter os efeitos que deseja:

- Como está sua rotina de sono?

- Você está se alimentando adequadamente?

- Está ingerindo água em quantidade suficiente?

Sono, alimentação, hidratação... Todos esses fatores são essenciais para que qualquer tipo de treinamento dê resultados. Por isso, bastante atenção a cada um deles!

Bom, agora vamos ao treino: o que a ciência diz sobre quanto tempo leva para os exercícios darem resultado?

Algumas pesquisas mostram que são necessários 2 meses, mais ou menos, para o corpo apresentar os primeiros resultados de um treinamento com objetivo de hipertrofia muscular (aumento dos músculos). Isso porque antes da mudança no corpo, primeiro os músculos ganham força, depois o corpo vai se adaptando aos exercícios, para começar a apresentar os primeiros sinais de aumento de massa muscular.

E por que “mais ou menos” 2 meses? Cada corpo vai reagir de uma maneira única aos exercícios propostos. Uma pessoa que sempre foi sedentária e que tem um alto percentual de gordura pode demorar mais para ver os resultados do que uma pessoa mais ativa, com a taxa de gordura dentro da recomendação.

Por isso, o tempo para que seus esforços sejam recompensados pode variar!

É importante destacar: a melhor forma para avaliar os resultados do seu treinamento é uma avaliação antropométrica, feita periodicamente por um profissional capacitado. Assim, será possível comparar seus índices anteriores e avaliar sua evolução.

E lembre-se: é fundamental respeitar os limites e o tempo do seu organismo! Com equilíbrio, disciplina e orientação adequada, os resultados virão!

 

 

Referências: 1. American College of Sports Medicine-ACSM. Position stand on progression models in resistance training for healthy adults. Exercise and physical activity for older adults. Med Sci Sports Exerc. 2002; 34:364-80. 2. Silva AA, Fonseca NSLN, Gagliardo LC. A associação da orientação nutricional ao exercício de força na hipertrofia muscular. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. 2012; 35(6): 389-397. 3. Fett CA, Fett WCR. Correlação de parâmetros antropométricos e hormonais ao desenvolvimento da hipertrofia e força muscular. R. bras. Ci. e Mov. 2003; 11(4): 27-32.